Sete coisas para orar pelos seus filhos

0

Alguns anos atrás, um bom amigo compartilhou comigo 7 textos da Escritura que ele e sua esposa oravam por suas 2 filhas desde que eram bebês. As garotas agora são crescidas. E é lindo ver como Deus respondeu e ainda está respondendo às orações fiéis e específicas dos pais cheios de fé, nas vidas dessas jovens e piedosas mulheres.

Eu frequentemente tenho usado essas orações quando oro pelos meus próprios filhos. E eu as recomendo a você.

Mas, claro, as orações não são encantamentos mágicos. Não se trata apenas de dizer as coisas certas e nossos filhos serão abençoados com sucesso.

Alguns pais oram fervorosamente e seus filhos se tornam talentosos líderes, acadêmicos, músicos ou atletas. Outros oram fervorosamente e seus filhos desenvolvem uma séria deficiência ou doença, ou vagam por um deserto pródigo, ou simplesmente lutam mais do que outros socialmente ou academicamente ou atleticamente. E a verdade é, Deus está respondendo a todas as orações desses pais, mas com propósitos muito diferentes.

É por isso que textos como os de João 9.1-3 estão na Bíblia. Não devemos determinar muito rapidamente os propósitos de Deus, porque eles podem ser o oposto de nossas percepções. Deus mede sucesso de modo diferente do que nós fazemos, e é por isso que ele frequentemente responde nossas orações de maneiras que não esperamos.

Então, ore por seus filhos. Jesus nos promete que, se pedirmos, buscarmos e batermos, o Pai nos dará o bem em troca (Lucas 11.9-13), mesmo que o bem não seja evidente por quarenta anos. E porque Jesus regularmente perguntou àqueles que o procuravam: “O que você deseja que eu faça por você?” (Marcos 10.51), sabemos que ele quer que sejamos específicos com nossos pedidos.
Então, aqui estão sete coisas úteis e específicas para orar pelos seus filhos.

1. Que Jesus os chame e ninguém os impeça de virem.

Depois trouxeram crianças a Jesus, para que lhes impusesse as mãos e orasse por elas. Mas os discípulos os repreendiam. Então disse Jesus: Trouxeram-lhe, então, algumas crianças, para que lhes impusesse as mãos e orasse; mas os discípulos os repreendiam. Jesus, porém, disse: Deixai os pequeninos, não os embaraceis de vir a mim, porque dos tais é o reino dos céus. E, tendo-lhes imposto as mãos, retirou-se dali. (Mateus 19.13-15)

2. Que eles respondam com ao persistente e fiel chamado de Jesus.

Não retarda o Senhor a sua promessa, como alguns a julgam demorada; pelo contrário, ele é longânimo para convosco, não querendo que nenhum pereça, senão que todos cheguem ao arrependimento. (2 Pedro 3.9)

3. Que eles experimentem a santificação através da obra transformadora do Espírito Santo e desejem cada vez mais cumprir os grandes mandamentos.

Respondeu-lhe Jesus: Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento. Este é o grande e primeiro mandamento. segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. (Mateus 22.37-39)

4. Que eles não se unam de modo desigual em relacionamentos íntimos, especialmente no casamento.

Não vos ponhais em jugo desigual com os incrédulos; porquanto que sociedade pode haver entre a justiça e a iniquidade? Ou que comunhão, da luz com as trevas? (2 Coríntios 6.14)

5. Que seus pensamentos sejam puros.

Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento. (Filipenses 4.8)

6. Que seus corações sejam movidos para doar generosamente à obra do Senhor.

Os filhos de Israel trouxeram oferta voluntária ao Senhor, a saber, todo homem e mulher cujo coração os dispôs para trazerem uma oferta para toda a obra que o Senhor tinha ordenado se fizesse por intermédio de Moisés. (Êxodo 35.29)

7. Que quando for o momento certo, eles IRÃO!

Jesus, aproximando-se, falou-lhes, dizendo: Toda a autoridade me foi dada no céu e na terra. Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ensinando-os a guardar todas as coisas que vos tenho ordenado. E eis que estou convosco todos os dias até à consumação do século. (Mateus 28.18-20)

você pode gostar também Mais do autor