Cuidado ao falar!

0

“Quem é cuidadoso no que fala evita muito sofrimento” (Provérbios 21.23).

Eu li uma comparação, há alguns anos atrás, sobre como o falar pode afetar a vida de alguém. Espalhar notícias falsas sobre uma pessoa é como rasgar um travesseiro de penas da janela do alto andar de um prédio e tentar, posteriormente, ajuntar todas essas penas. Você acha que é possível? Acredito que não. Infelizmente, é o que acontece em muitos casos quando divulgamos o que não deveríamos divulgar sobre o nosso próximo. A vida dele torna-se afetada, pois muitas pessoas acabam sabendo o que não deviam ou, até mesmo, acabam sabendo o que não é verdade.

Portanto, precisamos policiar nossa língua. “Se alguém se considera religioso, mas não refreia a sua língua, engana-se a si mesmo. Sua religião não tem valor algum!” (Tiago 1.26). Devemos tomar cuidado com o que falamos. Temos usado nossa língua para o bem ou para prejudicar o outro? Em rodas de amigos, entramos nas más conversações ou fugimos delas? “A língua tem poder sobre a vida e sobre a morte; os que gostam de usá-la comerão do seu fruto” (Provérbios 18.21). Ainda é possível que acabemos comendo do nosso próprio fruto, seja se geramos frutos bons com as palavras ou frutos já podres. Oremos para que o Senhor guarde a nossa boca de todo o mal!

você pode gostar também Mais do autor