As muralhas irão cair a sua volta! Pr. Sinaldo Ramos -19-01-2018

Palavra Pastoral

0

Josué Cap. 6:1-25 Depois de viajar pelo deserto durante quarenta anos, os israelitas chegaram, finalmente, diante de Canaã. Agora, era só entrar na terra e fazer o loteamento. Certo? Errado. As coias que eram assim tão simples. Havia no caminho uma imensa muralha. Muitas vezes encontramos em situações semelhantes.

Quando pensamos que vamos “Tomar posse da benção”, surge uma importante muralha que parece zombar de nossas esperanças. Entretanto, não vamos desistir dos propósitos de Deus para nós. Não vamos assentar no meio da estrada. Não vamos voltar ao Egito. Essas deve ser nossas atitude de fé: olhar para frente e prosseguir. Tudo aquilo que impede de êxito, todo problema que parece insolúvel, é um tipo de muralha colocada por satanás  e permitida por Deus. Nesse contexto, satanás  tem desejo de nos fazer fracassar. Entretanto, utilizando-se da mesma situação, Deus espera que saiamos vitoriosos, experientes e fortalecidos.

Diante do obstáculos, muitas pessoas tentam vencê-lo através de meios humanos.

Imagine, se Josué resolvesse pular o muro ou cavar um túnel… Provavelmente, sua história não estaria na Bíblia e precisaríamos de outro assunto para essa mensagem.

Porém, o líder de Israel escolheu os meios divinos, mesmo sendo incompreensíveis e desprovidos de lógica. A mente  humana nos aconselha a dar um “jeitinho”, buscando uma solução mundana ou ilícita para o problema. Deus, porém, muda as situações pela vias de integridade e ada justiça.

Para o Senhor possa agir, alguns requisitos são necessários:

1- A ARCA – O povo precisava ter a arca indo á frente. Aliança Se queremos vencer as barreiras, precisamos ter compromisso com Deus e uma comunhão real com ele.

2- RODEAR A CIDADE –   O Povo precisava andar em volta da muralha. Aqui está a questão da obediência e da ação. Se você está consciente de que Deus lhe deu uma ordem, obedeça. Se você não sabe o que fazer diante do  problema, ore, consulte a Bíblia, consulte a liderança da igreja e parta para a ação. Jesus disse: “Eu sou o caminho”(João 14.6). Logo, precisamos andar. A vida Cristã não é um estacionamento.

3 -TEMPLO – Israel  deveria andar em torno de Jericó durante 7 dias. Aqui está o teste da perseverança e da paciência. Você deve obedecer hoje e continuar obedecendo amanhã, mesmo que os obstáculos pareçam mais  firmes do que antes. Você deve ser mais firmes do que a muralha. Sua fé deve ser mais resistente. No sétimo dia, a muralha caiu. Não podemos fazer uma regra para Deus e dizer que ele sempre vai agir depois  de 7 dias ou depois de 7 orações, etc. Ele pode agir no primeiro dia, ou no sétimo, ou no vigésimo-primeiro, como aconteceu com Daniel(Cap,10),ou em outro que, em alguns casos, nós é que retardamos as bençãos devido á nossa incredulidade, passividade e desobediência.

Conclusão: Depois que Israel fez tudo o que Deus ordenou, a muralha ruiu e o povo pôde conquistar a cidade. Que Deus nos abençoe e nos ajude a conquistar todos os nossos direitos espirituais com Cristo.

 

:: PrSinaldo Ramos, Deus Abençõe!

 

 

:: Comunicação IBB

você pode gostar também Mais do autor